.
CHINA CDS https://www.chinacds.org/2019/10/empresario-de-naiara-azevedo-explica.html

Empresário de Naiara Azevedo explica demissão de 140 pessoas: 'Fiz acordo'

Empresário de Naiara Azevedo explica demissão de 140 pessoas: 'Fiz acordo'

A crise econômica causada pelo coronavírus e a ausência de eventos por conta do isolamento social tem afetado diretamente o mercado de entretenimento, conforme já noticiado diversas vezes aqui na Coluna do Leo Dias. Sem condições de manter seus funcionários, a NA Produções, empresa de Naiara Azevedo, precisou demitir seus 140 funcionários registrados. Rafael Cabral, empresário e marido de Naiara, conversou com a coluna e explicou que fez um 'acordo' com todos e que, entre agosto e setembro, pretende recontratar a equipe.

"Nós temos 140 colaboradores aqui. Ninguém se preparou para essa paralisação. Fomos um dos primeiros a parar nessa quarentena. Tenho funcionários que trabalham comigo há mais de 6 anos e eu jamais daria as costas para alguém. O que eu fiz foi chamar todos os funcionários e fazer um acerto com eles da melhor maneira possível. Em agosto ou setembro, devemos voltar, e eu vou contratá-los de volta. 100% dos nossos funcionários são CLT. Terão direito a FGTS, seguro-desemprego e mais o acordo que fizemos", disse Rafael, que completa: "Empresa nenhuma conseguirá pagar tudo isso de funcionário sem trabalhar."

Demonstrando preocupação com as demissões, Rafael disse que chamou um a um de seus funcionários para fazer o melhor acordo possível. "Chamei todos os funcionários, um por um. Tive atenção. Estou no escritório agora. Falta falar com 40 ainda. Não tenho condições de mantê-los sem a previsão de novos shows. Precisei tomar essa medida", ressalta o empresário.

Rafael lembra ainda que a NA Produções não há apenas a Naiara Azevedo como artista. Eles representam também Humberto & Ronaldo, Ícaro & Gilmar e Gabriel Gava. "A Naiara está levando a culpa porque é a maior artista, mas estamos falando de uma empresa que cuida também de outros artistas. A empresa toda está sofrendo com essa crise", completa o empresário.

Compartilhar:

Notificação